Turismo

Home/ Notícias Online/ Turismo/ TAM registra índice de 36% de ...

TAM registra índice de 36% de embarques com o self check-in

Publicada em : 31/07/2013

Clientes têm optado cada vez mais por serviços disponíveis para web, celular ou em totens instalados nos aeroportos


TAM Linhas Aéreas acaba de registrar o crescimento da utilização dos canais de self check-in no acumulado de 2013, em comparação com o mesmo período do ano anterior. Se no primeiro semestre de 2012 a média de adesão aos serviços foi de 24%, neste ano a companhia já alcançou um percentual maior, de 36%, em seus embarques domésticos e internacionais. Atualmente, o self check-in da TAM é oferecido em totens instalados nos aeroportos, pela web e pelo celular.

Além do crescimento semestral, 40% dos embarques realizados pela empresa em junho já contaram com os canais de autoatendimento. O volume foi calculado com base em toda a operação da companhia no mês e sobre o total de passageiros transportados no período. 

“Em terminais mais movimentados, onde há grande volume de passageiros viajando a negócios, essa participação é ainda mais expressiva. Porto Alegre, Congonhas, Curitiba e Confins, por exemplo, já têm picos de até 68% no atendimento por meio de canais eletrônicos”, revela Victória Guimarães, diretora de Aeroportos da TAM Linhas Aéreas. “Quem realiza o check-in antecipado, mesmo que ainda vá despachar a sua bagagem, reduz em até 50% o tempo gasto no aeroporto”.

A crescente aceitação dessas alternativas pelos passageiros tem relação direta com as recentes iniciativas da TAM de ampliar a cobertura dos serviços e de orientar os passageiros nos aeroportos para a utilização dos canais de autoatendimento. Neste ano, por exemplo, a companhia já realizou forças-tarefa no aeroporto de São Paulo/Guarulhos com o objetivo de incentivar os clientes a usar esses serviços. Ao mesmo tempo, a TAM tem ampliado as posições dedicadas exclusivamente ao despacho de bagagem nos seus guichês.

Nos aeroportos com operações da TAM fora do Brasil, a adesão aos canais de autoatendimento também cresceu. De janeiro a junho, o percentual de utilização saltou de 18% para 24%.

“O crescimento dos serviços de autoatendimento da TAM no exterior é reflexo dos nossos investimentos nesses canais, incluindo a ampliação do check-in pelo celular, que estreou em janeiro deste ano em voos internacionais na América do Sul e na Europa, e também já vale para as rotas que operamos dos Estados Unidos para o Brasil”, afirma Marcius Moreno, diretor de Aeroportos Internacionais do Grupo LATAM Airlines.

Até 2017, a IATA (Associação Internacional do Transporte Aéreo) prevê que o Brasil seja um dos seis maiores mercados mundiais no uso de dispositivos móveis para compra de passagens, check-in, despacho de bagagem e embarque.

Fonte:TAM