Turismo

Home/ Notícias Online/ Turismo/ Festival de jazz terá atraçõe...

Festival de jazz terá atrações internacionais

Publicada em : 27/05/2013

2º Santos Jazz Festival ocorre de 18 a 23 de junho em mais espaços de Santos e também chega a Cubatão


Após o sucesso de sua primeira edição, o caldeirão do Santos Jazz Festival retorna borbulhante de ritmos, sonoridades e artistas, em mais espaços e mais música para o público. De 18 a 23 de junho acontecerá a segunda edição do maior festival do gênero no litoral paulista.  Egberto Gismonti será o grande homenageado e fará o concerto de abertura, no Teatro do Sesc Santos. No palco, todo o virtuosismo que lhe tornou conhecido internacionalmente, especialmente pela capacidade de improvisação.

Serão seis dias de shows, 60 horas de música, 24 shows e mais de 200 músicos envolvidos. Ano passado, 10 mil pessoas marcaram presença. Para 2013, a expectativa é de 15 mil, oriundas de vários municípios, inclusive de outros estados, para as apresentações musicais e de 600 pessoas nas oficinas musicais, com público formado por músicos locais e estudantes de música.

O evento, completamente gratuito, ocorrerá em mais espaços de Santos e também chega a Cubatão. Na programação, nomes reconhecidos em todo o Brasil e fora do país, como Nuno Mindelis, Banda Mantiqueira, Romero Lubambo, Leny Andrade.  Das atrações internacionais, Stafford Hunter, trombonista, que já integrou as bandas de Amy Winehouse, Tony Bennett e Joss Stone, que se apresenta com  quinteto de formação local, pela primeira vez em território brasileiro, e o cubano Yaniel Matos. Talentos da Baixada Santista: Chico Gomes, Babi Mendes, Marcos Canduta, Banda Druidas, entre outros.

“Sem preconceito, sem rótulos, e sem se guiar por tendências e modismos, a programação desta segunda edição flerta com o tradicional, namora com o experimental, e assume relacionamento sério com a fusão de estilos; afinal, como ensina a própria filosofia do jazz, quanto mais experimentação, melhor”, ressalta o diretor de produção, Jamir Lopes.  Segundo ele, “o festival chama a atenção de pessoas de várias localidades do país justamente por apostar em um gênero histórico, mas não tão popular no Brasil, e pela chance de estar perto de artistas reconhecidos internacionalmente”.

“O jazz é um conceito de música de qualidade, não somente o jazz puro, mas a música instrumental, vocal, ritmos que improvisam e que valorizam o músico. Várias cidades do Brasil já promovem seus festivais de jazz há muitos anos, como Ouro Preto, Belo Horizonte, Rio das Ostras, Paraty, Guaramiranga (Ceará), São Paulo. Com esta segunda edição, Santos ratifica seu potencial para reunir músicos e público do país e do exterior”, ressalta Denise Covas

Mais espaços
Se em 2012 os shows e oficinas ocorreram no Centro Histórico de Santos, dessa vez mais locais serão contemplados pelo festival. Em Santos, ocorrerão apresentações no Centro, mas também no excelente Teatro do Sesc, localizado no bairro Aparecida, e no Parque Roberto Mário Santini, o Emissário Submarino, na orla da praia. O bairro do Gonzaga terá seu palco no tradicional Shopping Balneário. Outra novidade é a inclusão de Cubatão na programação, onde acontecerão oficinas e shows.

Para participar das oficinas é preciso fazer inscrição pelo site www.santosjazzfestival.com.br.

Fonte:Zen comunicação