Turismo

Home/ Notícias Online/ Turismo/ Viagem para Inglaterra

Viagem para Inglaterra

Publicada em : 20/02/2013

Conheça 10 dicas para economizar na Grã-Bretanha


Encontre dicas de como aproveitar ao máximo sua estadia na Inglaterra, Escócia e no País de Gales – e sem ir à falência!
1. Há uma grande quantidade de atividades culturais gratuitas disponíveis em toda a Grã-Bretanha. As opções vão desde grandes museus, como o Museu Britânico de Londres, o Riverside Museum de Glasgow, o Museu de Liverpool e o Museu Nacional de Cardiff, até as coleções da National Gallery, da Galeria de Arte de Birmingham e da Tate Liverpool. Mergulhar na cultura britânica pode sair de graça!
2. Descubra como economizar com o transporte público. O Visitor Oyster Card é a maneira mais barata e flexível de se locomover em Londres – um bilhete de ida do metrô não vai custar mais que 2 libras com o Oyster, enquanto o preço normal é 4,30 libras para quem paga em dinheiro. Vai viajar entre cidades? Compre um BritRail pass. Exclusivo para clientes do exterior, esse passe oferece as opções mais baratas e convenientes disponíveis. Encontre esses produtos com descontos imperdíveis na Loja do VisitBritain.
3. É fácil encontrar acomodações modernas, em conta e com localização central na Grã-Bretanha. Confira a grande variedade de albergues disponíveis, geralmente de fácil acesso às principais atrações da região, ou próximos a lugares de grande beleza natural. Além dos dormitórios compartilhados, há quartos individuais para reservas com antecedência. Visite www.hostelworld.com e www.yha.org.uk.
4. Nenhuma viagem à Grã-Bretanha seria completa sem ir ao teatro para assistir a um musical ou peça. Além do VisitBritain Theatre Passport – que oferece os melhores lugares disponíveis para diversas peças e musicais participantes – há várias outras ofertas, como o programa anual Get Into London Theatre, no qual é possível assistir a algumas das melhores apresentações em Londres por uma fração do preço normal. Comprar diretamente na bilheteria também pode render bons descontos.
5. Há uma grande quantidade de pechinchas nas lojas de desconto da Grã-Bretanha. Bicester Village, a meia hora de carro de Oxford, Cheshire Oaks, perto de Chester, no noroeste da Inglaterra, York Designer Outlet e Galleria Outlet Shopping, em Hatfield – ao norte de Londres, em um trajeto de menos de uma hora – oferecem uma imensa quantidade das principais grifes internacionais com até 60% de desconto nas coleções da estação anterior.
6. Faminto depois de tantas compras? A Grã-Bretanha tem excelente produção local, vendida em todos os mercados do país a preços sempre menores do que os de restaurantes. Então, refeições como o tradicional fish & chips do Borough Market de Londres, ostra (com uma dose de vodka!) por 1 libra no Grainger Market de Newcastle, carne de cervo escocesa no Edinburgh Farmers Market ou bolo galês no Swansea Indoor Market (64 km de Cardiff), são baratas, apetitosas e fáceis de encontrar.
7. Se você prefere fazer sua refeição em um restaurante estrelado do Guia Michelin, o preço não precisa ser proibitivo. Muitos deles oferecem menus com preços fixos; um almoço ou jantar no início da noite com 3 pratos pode ser apreciado no Gordon Ramsey, no emblemático hotel Claridge’s de Londres por 30 libras, por exemplo. No Bath Priory, o menu com 3 pratos custa 25 libras e um dos melhores restaurantes de Edimburgo, Kitchin, serve 3 pratos por 26,50 libras.
8. Pesquisar ingressos com antecedência para algumas das principais atrações da Grã-Bretanha pode proporcionar bônus. Além do desconto de 20% para ingressos comprados com antecedência na Loja do VisitBritain, muitas atrações de Londres oferecem 2 ingressos pelo preço de 1 aos clientes que viajam de trem para a capital britânica.
9. É perfeitamente possível visitar Londres com uma verba restrita, mas ao se aventurar fora da capital inglesa, você vai descobrir que em muitos lugares as suas libras vão render ainda mais para se hospedar, comer fora, ir ao teatro e beber em pubs. Confira os sites VisitEngland, VisitScotland e VisitWales para ter ideias para montar o roteiro da sua viagem.
10. Dos Parques Reais de Londres aos Parques Nacionais britânicos, não há opção melhor para realmente conhecer a Grã-Bretanha do que seus espaços ao ar livre. Não vão faltar paisagens magníficas e ar fresco para você desfrutar, e tudo de graça.

Para ver mais sugestões sobre como fazer sua verba de férias render mais, acesse www.visitbritain.com.

Fonte: