Seu bairro

Home/ Notícias Online/ Seu bairro/ Penha Cultural

Penha Cultural

Publicada em : 03/12/2012

Centro Cultural oferece inúmeras atrações aos moradores da região


O bairro da Penha acaba de ser agraciado com uma nova opção de lazer e cultura, trata-se do CCP - Centro Cultural da Penha. O local disponibiliza o Espaço Cultural Mário Zan, a Biblioteca José Paulo Paes, o Teatro Martins Penna e o Telecentro, além de estúdios de gravação e salas de ensaio e estudos em todos os andares do prédio.

Atualmente em reforma, o prédio está sendo reaberto para a comunidade gradualmente e já tem, em pleno funcionamento, a Biblioteca José Paulo Paes, área dedicada também a oficinas e ao Telecentro. Até o fim do ano, as obras do Teatro Martins Penna e dos estúdios de gravação, semelhantes aos implantados no Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso, deverão estar concluídas. O Centro Cultural da Penha é um equipamento público da cultura e está vinculado ao Departamento de Expansão Cultural, da Secretaria Municipal de Cultura, da Prefeitura de São Paulo.

Diversão e aprendizado
Para celebrar a retomada das atividades, foi encenado, no fim de novembro, o espetáculo interativo “Parada de Rua”, do grupo Lume, que, além das instalações do CCP, percorreu seus arredores.

Para os próximos meses, a agenda exibe cursos e oficinas de teatro, dança, literatura, capoeira, jogos, artes visuais, música, cinema, contação de histórias, além das atividades do Telecentro.

Cinema e dança
O Centro Cultural da Penha promoverá, a partir de dezembro, a “Terça do Cinema”. A Mostra resgata filmes apresentados nas antigas salas de cinema do bairro: Cine São Geraldo, Cine Júpiter, Cine Penha Theatro | Penha Príncipe e Penha Palace | Penharama, sempre às terças-feiras, às 19 h.

O projeto visa dialogar com pessoas de todas as idades que queiram viver a história guardada na memória de muitos penhenses, que nestas salas tiveram suas primeiras experiências com a sétima arte, adolescentes na época que ‘enganaram’ bilheteiros em filmes proibidos para menores; sessões de Mazzaropi com filas que viravam as esquinas; títulos nacionais e estrangeiros que emocionavam o público e movimentavam o bairro. Após a sessão, haverá um bate-papo e o visitante poderá compartilhar sua história.

Obras como Tarde Demais, de William Wyler, O Lamparina, com Amácio Mazzaropi, Um Corpo que Cai, de Alfred Hitchcock, A Baronesa Transviada, com Dercy Gonçalves e Grande Otelo, também serão exibidas.

Na arte da dança, o local promove no segundo sábado de cada mês, até 9 de fevereiro de 2013, das 14 às 17 h, o ‘Jam de Danças Urbanas’, no qual os DJs convidados tocam músicas de diversos estilos, desde o funk dos anos 70/80 até a música eletrônica atual, passando pelo Break Beat, Rap, R&B, G Funk e ritmos latinos.

Centro Cultural da Penha e arredores
Lgo. do Rosário, 20 - Penha
www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/cultura/dec/cc_penha/

Fonte:Revista IN