Saúde

Home/ Notícias Online/ Saúde/ Projeto contra a hanseníase ga...

Projeto contra a hanseníase ganha prêmio

Publicada em : 02/08/2012

Unidade móvel produzida pela Truckvan está entre as iniciativas contempladas pelo Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio Brasil

Acaba de conquistar o Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio Brasil (ODM Brasil) a unidade móvel para o projeto Rio Sem Hanseníase, do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), em parceria com o Riosolidário e com apoio da companhia EBX.

Trata-se de um reconhecimento às iniciativas que contribuem para o cumprimento, até 2015, dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A hanseníase integra a proposta da ONU como um adendo ao Objetivo de Desenvolvimento do Milênio nº 6, referente ao enfrentamento de doenças relacionadas às condições de vida das populações. “A hanseníase tem cura e o tratamento está disponível gratuitamente no SUS. No entanto, o Brasil registra o maior índice de incidência da doença no mundo. Por isso, a eliminação da hanseníase é uma recomendação expressa da ONU e uma prioridade do Governo Federal, que reconhece o controle da doença como uma das metas do Programa Brasil Sem Miséria”, aponta Custódio.

Desenvolvida pela Truckvan, uma das maiores empresas de baús e carretas customizadas do Brasil, promove o diagnóstico precoce da hanseníase, fundamental para o sucesso do tratamento, e contribuiu para a superação do preconceito que ainda é associado à doença.

Em operação em todo o estado do Rio de Janeiro desde julho de 2011, com seus três ambulatórios e palco para realização de atividades lúdicas, a unidade móvel confirma a expertise da Truckvan em ações voltadas à comunidade. “Este é a segunda carreta produzida pela empresa para identificar e tratar a hanseníase. A outra percorre o país inteiro com atuação principal nas regiões norte e nordeste”, comenta Alcides Braga, diretor da companhia. “Nossas unidades móveis significam uma solução eficaz de atendimento e levam informação e acesso à saúde de primeira linha além de ajudar a combater o estigma que envolve a enfermidade”, finaliza.

Artur Custódio, coordenador nacional do Morhan, retribui o elogio. “Admiramos muito o trabalho da Truckvan pela grande qualidade e esmero aos detalhes”.

Custódio enfatiza o papel da unidade móvel. “A orientação é a base para sua erradicação e as carretas, por sua vez, são um meio importante no combate à doença e na diminuição das sequelas irreversíveis, como atrofia dos membros e perda definitiva da sensibilidade; ao mesmo tempo, a informação permite que rompamos os paradigmas uma vez que o contágio não é tão fácil como se imagina e o mal tem cura”, lembra Artur.

Só no ano passado, mais de mil pessoas foram beneficiadas pela ação, em 30 campanhas realizadas em diversas cidades e em comunidades cariocas com Unidades de Polícia Pacificadora (UPP). Outro diferencial é que os profissionais de saúde que ali atuam são do próprio município, portanto, após um eventual diagnóstico positivo o elo entre paciente e médico está formado facilitando ainda mais o tratamento.

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa que tem como principais sintomas manchas dormentes esbranquiçadas ou avermelhadas, insensíveis ao tato, à dor e ao calor. No Brasil, em 2008, cerca de 40 mil casos foram diagnosticados segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinam), do Ministério da Saúde. O país detém o triste recorde de pessoas com a doença, à frente inclusive de nações mais pobres como Timor Leste, Libéria (África Ocidental) e Comores (entre a África e Madagascar).

Utilizadas por diversos segmentos, as unidades móveis Truckvan são produzidas nos mais variados tipos e modelos atendendo demandas como eventos, shows, campanhas políticas, estandes para feiras, geradores de imagens para televisão, unidades de saúde, projetos educacionais e cozinhas experimentais, entre outras.
 

Fonte:RS Press