Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Procon-SP atende consumidores ...

Procon-SP atende consumidores com dívidas e dúvidas

Publicada em : 17/08/2016

Especialistas vão tirar dúvidas com credores

Divulgação
A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo, realiza nos dias 16, 17 e 18 de agosto na Estação Paraíso do Metrô, em São Paulo, atendimento voltado prioritariamente às pessoas que tenham dúvidas e dívidas a serem renegociadas. O atendimento abrange: empréstimos financeiros e consignados, dívidas com bancos e administradoras de cartões de crédito e débito com empresas do varejo.

O consumidor que tiver mais de 30% dos seus rendimentos comprometidos com dívidas poderá solicitar aos especialistas do Procon-SP a intermediação na renegociação junto a fornecedores, bastando levar documentos pessoais, comprovante de rendimento e das dívidas acumuladas.

Mantido pelo Procon-SP desde 2012, o Programa de Apoio ao Superendividado atende a pessoas que tenham comprometido mais de 30% da sua renda com dívidas e auxilia esses consumidores a reduzir suas despesas e renegociar dívidas com credores em audiências de conciliação. Veja aqui mais informações sobre o PAS.

O coordenador do Núcleo de Tratamento do Superendividamento , Diógenes Donizete estará à disposição dos jornalistas para entrevistas no local no dia 16 . O serviço do Procon-SP teve aumento de 400% na procura e também está disponível pela Internet ( www.procon.sp.gov.br/categoria.asp?id=573 ). Recentemente foi levado a todas as regiões do Estado e agora irá percorrer bairros de São Paulo.

Serviço:

Ação no Metrô Paraíso

Data: dias 16, 17 e 18 de agosto (de terça a quinta-feira)
Horário: das 9h às 16h
Local: Praça Rodrigues de Abreu - Rua Vergueiro nº 1465, junto ao terminal de ônibus, pista sentido Consolação.

Ação na Câmara Municipal

Data: dias 30, 31 de agosto e 1º de setembro (de terça a quinta-feira)
Horário: das 9h às 16h
Local: Viaduto Jacareí 100 – Centro, em frente à Câmara Municipal de São Paulo.

Fonte:Fundação Procon-SP