Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Banco de Leite Humano precisa ...

Banco de Leite Humano precisa de doações

Publicada em : 28/05/2013

Hospital Municipal Universitário (HMU) de São Bernardo do Campo está com o estoque baixo


O Banco de Leite Humano do Hospital Municipal Universitário (HMU) de São Bernardo do Campo está funcionando com estoque 40% abaixo da capacidade mensal, de 300 litros, volume insuficiente para atender com margem de segurança até o final do mês.

Neste mês de maio, apenas 107 mães doaram o alimento, totalizando cerca de 70 litros, quantidade suficiente para apenas uma semana. Atualmente, o cadastro conta com 81 recém-nascidos. As crianças são prematuras de alto risco que necessitam permanecer internados por meses e cujas mães produzem pouco leite.

De acordo com a responsável pelo Banco, Nerli Andreassa, no inverno e no período de férias o número de doações costuma diminuir. "As mães que produzem leite excedente geralmente participam do programa por no máximo dois meses, já que depois desse período a produção cai, e a prioridade é a amamentação do filho. Por isso, precisamos estar sempre cadastrando novas doadoras", alerta.

Para reforçar a importância do ato e estimular a doação de leite materno, a Prefeitura faz campanhas nas 32 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da rede e na rede de hospitais municipais: HMU, Anchieta e Hospital e Pronto-Socorro Central. Além disso, a equipe do HMU promove ações de sensibilização junto às gestantes e mães que acabaram de dar à luz no local.

Para Simara Sousa Figueredo, 28 anos, operadora de telemarketing, a solidariedade das doadoras tem sido fundamental para a recuperação da filha Sophia. A recém-nascida está há um mês e 24 dias internada na unidade neonatal do HMU após nascer no sétimo mês de gestação, com apenas 1 quilo e 225 gramas e 37 centímetros.

"Tive pré-eclâmpsia no sexto mês de gravidez, a pressão arterial subiu muito e precisei passar por uma cirurgia cesariana. Como minha filha não tinha condição de mamar direto no peito, eu retirava o leite para ela, mas agora estou com pouco leite e a Sophia precisa do Banco", disse.  

Como doar - A coleta do leite humano é feita pela própria doadora, em sua residência. Já o material para o armazenamento é fornecido pelo Hospital Municipal Universitário, que retira o recipiente no domicílio após agendamento.

O Banco de Leite Humano do HMU fica na Avenida Bispo César D'Acorso Filho, 161, Bairro Rudge Ramos. O cadastro pode ser feito por telefone ou pessoalmente. Mais informações pelo telefone 4365-1480 (ramal 1203).

Fonte:Secretaria de Comunicação São Bernardo do Campo