Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Governador visita obra de pont...

Governador visita obra de ponte móvel em SP

Publicada em : 27/03/2013

Fruto de parceria entre a Bayer Brasil e a Empresa Metropolitana de Águas e Energia (EMAE), obra voltada para pedestres beneficiará 15 mil moradores e trabalhadores do bairro do Socorro, além dos futuros usuários da ciclovia


O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, visitou esta tarde a fase inicial das obras da ponte móvel exclusiva para pedestres e ciclistas que será construída na confluência do canal de Pinheiros com da represa de Guarapiranga, no bairro do Socorro.

O evento foi realizado na sede da Bayer Brasil, no bairro do Socorro, Zona Sul da capital paulista, e também contou com as presenças dos presidentes da Bayer Brasil, Theo van der Loo, e da EMAE, Ricardo Borsari, além do secretário de Energia de São Paulo, José Aníbal.

A ponte móvel, desenhada pelo arquiteto Ricardo Loeb, será inteiramente custeada pela multinacional alemã, num investimento de R$ 5 milhões, e ligará a estação de Santo Amaro da CPTM ao bairro do Socorro.

Fundamental para a implantação da ciclovia na margem oeste do rio Pinheiros, a obra beneficiará mais de 15 mil pessoas. Outro fator importante da iniciativa é que ela contribuirá para redução de veículos automotores na região, colaborando com a queda nas emissões de CO2 na atmosfera paulistana em torno de 1,5 tonelada por dia.

“Zelamos pela qualidade de vida dos nossos funcionários e esta ponte móvel contribuirá muito para o bem estar dos colaboradores da Bayer e dos moradores da região”, disse o presidente da Bayer Brasil, Theo van der Loo. Já o governador Geraldo Alckmin exaltou a iniciativa da multinacional alemã. “Quero cumprimentar a Bayer, que está dando um exemplo de responsabilidade social e cidadania para a requalificação urbana da região sul da cidade. Esta é uma boa parceria em benefício do meio ambiente, das pessoas e de São Paulo”.

Durante o encontro, Geraldo Alckmin e o secretário de Energia, José Aníbal, também assinaram decreto de crédito suplementar de cerca de R$ 5.7 milhões para a Secretaria de Energia. O investimento será destinado ao convênio que prevê a implantação de uma ciclovia entre a entrada do Pomar Urbano e a ponte do Socorro, além da elaboração de estudos e projetos para requalificação urbana e social das marginais do sistema Tietê-Pinheiros.

Fonte:JeffreyGroup