Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Locação residencial cresce

Locação residencial cresce

Publicada em : 28/02/2013

50% dos imóveis alugados no ano passado foram de dois dormitórios


O número de novos contratos de aluguel residencial na cidade de São Paulo cresceu 19% em 2012 na comparação com o ano anterior. É o que aponta balanço da Lello, empresa líder em administração imobiliária no Estado. O valor médio dos novos aluguéis ficou em R$ 2 mil.
Do total de casas e apartamentos alugados no ano passado 55% foram de dois dormitórios, 25% de um dormitório e 25% com três ou mais dormitórios.
As unidades mais procuradas foram aquelas situadas em locais de fácil acesso a serviços e transporte, preferencialmente próximas a metrôs, bem como aquelas perto do trabalho dos inquilinos e de escolas.
Ainda segundo a administradora, a velocidade média para locação de imóveis de um e dois dormitórios ficou entre 15 e 24 dias da disponibilização da unidade. Já as casas e apartamentos de três dormitórios levaram cerca de 40 dias para serem alugados e os imóveis de quatro dormitórios, mais de dois meses.
O fiador, única forma gratuita de garantia, respondeu por 60% dos novos contratos de aluguel em 2012. Outros 24% tiveram como garantia o seguro-fiança, enquanto a caução respondeu por 11% das novas locações em São Paulo.
 “Foi um ano muito movimentado e deve continuar assim em 2013. A procura por imóveis para locação foi expressiva já em janeiro”, diz Roseli Hernandes, diretora comercial da Lello Imóveis.
 Para este ano a Lello pretende ampliar sua rede de locação, com novas Lojas do Aluguel (que trazem ofertas de imóveis na vitrine), a exemplo da que já funciona na Vila Mariana. Além disso a empresa deverá investir no desenvolvimento de um novo sistema de atendimento para agilizar o fechamento de novos contratos de aluguel em suas 12 filiais na cidade.

Fonte:Lello Imóveis