Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Auditório Ibirapuera entra na ...

Auditório Ibirapuera entra na Virada Sustentável

Publicada em : 01/06/2012

O documentário dirigido por Fernando Grostein Andrade sobre a questão das drogas volta a ser apresentado, integrando a programação da Virada

A programação do Auditório Ibirapuera, no dia 2 de junho (sábado), a partir das 20h, integra as atividades da segunda edição da Virada Sustentável com a exibição de Quebrando o Tabu. O documentário de Fernando Grostein Andrade sobre a busca de políticas alternativas ao fracasso da guerra as drogas, que estreou em junho passado em São Paulo, Rio de Janeiro, Santos, Campinas, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Fortaleza, Brasília e Recife, propõe uma discussão responsável sobre o tema com depoimentos de personalidades como Fernando Henrique Cardoso, Paulo Coelho, Dráuzio Varella, Bill Clinton e Jimmy Carter.

O filme apresenta personagens com realidades diversas em busca de soluções, princípios e conclusões. Além dos citados acima, ex-chefes de Estado de países como Colômbia, México e Suíça revelam porque mudaram de opinião sobre esse assunto que requer muita análise e compreensão. Como esse tipo de debate não se esgota, após a projeção, o diretor do documentário reabre a conversa com o público e outros especialistas (em confirmação).

Ainda dentro da programação da Virada Sustentável no Auditório Ibirapuera, a exibição do curta Ajoelhaço da Cooperifa antecede a transmissão de Quebrando o Tabu. Com pouco mais de cinco minutos de duração, ele registra uma prática realizada desde 2008, sempre na semana do Dia Internacional da Mulher, quando acontece o Sarau da Cooperifa: homens e poetas que frequentam o Bar do Zé Batidão, em Piraporinha, sede do sarau, se ajoelham diante das mulheres para pedir perdão por todas as injustiças, atrocidades e crimes cometidos ao longo da humanidade.

"A ideia inicial era homenagear as mulheres oferecendo uma rosa; mas achei muito comum e sugeri que ajoelhássemos. Ficar de joelhos diante de uma mulher tem um caráter simbólico muito mais forte", diz Sergio Vaz, fundador da Cooperifa há 11 anos. O registro do Ajoelhaço, feito em 2010, é da fotógrafa e cineasta Nina Fidelis, ex-assessora de comunicação do Movimento dos Sem Terra (MST), editora do Jornal Sem Terra e Sem Terrinha produtora do Origens Hip Hop. É a primeira vez que será apresentado em um telão, como se fosse no cinema.

Virada Sustentável
Com o apoio da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo, no mês do Meio Ambiente, a Virada Sustentável reúne atrações como música, teatro, cinema, exposições, em um total de mais de 600 eventos. Em comum, apresentam a sustentabilidade e seus diferentes temas como conteúdo principal. O objetivo é ampliar a informação sobre esses assuntos para a população, usando a arte e a cultura como principais ferramentas de conscientização, em diversos pontos da cidade.

SERVIÇO
Auditório Ibirapuera na Virada Sustentável
Exibição dos filmes:
Ajoelhaço da Cooperifa, de Nina Fidelis (5´32")
Quebrando o Tabu, de Fernando Grostein Andrade (cerca de 75')
Dia 2 de junho (sábado)
A partir das 20h
Classificação indicativa: 14 anos
Entrada franca, por ordem de chegada, até completar a capacidade de 800 lugares

Auditório Ibirapuera
Av. Pedro Alvares Cabral, s/n - Portão 2 do Parque do Ibirapuera
(Entrada para carros pelo Portão 3)
Fone: 11.3629-1075
info@auditorioibirapuera.com.br
http://www.auditorioibirapuera.com.br/
Ar-condicionado. Acesso a deficientes. Proibido fumar no local.
Estacionamentos / Transporte:
Estacionamento do Parque Ibirapuera, sistema Zona Azul - R$3,00 por duas
horas. Dias úteis das 10h às 20h, sábados, domingos e feriados das 8h às 18h
Ônibus: Estação da Luz - Linha 5154 - Terminal Sto Amaro / Metrô Brás -
Linha 5630 - Jd. Eliana / Metrô Ana Rosa - Linha 675N - Terminal Sto. Amaro
Linha 677A - Vila Gilda - Linha 775C - Jd. Maria Sampaio / Metrô Vila Mariana - Linha 775 A - Jd. Adalgiza.
O Auditório Ibirapuera não possui estacionamento ou sistema de valet. O estacionamento do Parque Ibirapuera é Zona Azul e tem vagas imitadas. Sugerimos que venha de táxi, transporte público ou bicicleta.

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô
Fones: 11. 2168-1776/1777
www.twitter.com/itaucultural
www.facebook.com/itaucultural
www.youtube.com/itaucultural  

Fonte:Conteúdo Comunicação