Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Cidade Limpa chega às ruas e c...

Cidade Limpa chega às ruas e calçadas de São Paulo

Publicada em : 25/04/2012

A dois anos de sediar a abertura da Copa do Mundo de Futebol, São Paulo dá início a uma nova etapa do projeto de gerenciamento de resíduos sólid

Boas notícias para os paulistanos e moradores da cidade, que esperavam ansiosamente pelo dia em que a paisagem urbana ficaria livre das montanhas de sacos de lixo acumulados diariamente sobre as calçadas em frente aos prédios e condomínios residenciais e comerciais. São Paulo se prepara para receber um projeto semelhante aos que existem em cidades como Abu-Dhabi, Toronto, Barcelona, Dublin, além de cidades da África do Sul, implantados por ocasião da Copa do Mundo. Em Portugal o sistema está bastante avançado, tendo sido implantado em mais de 50 cidades como Porto, Sintra e estádios sede da Eurocopa como Aveiro, pontos históricos/turísticos e principais cidades litorâneas. O projeto paulista prevê contemplar, nesta primeira fase, boa parte do bairro paulistano dos Jardins (no quadrilátero que vai da Av Paulista à Marginal do Rio Pinheiros, e da Av 9 de Julho até a Av. Rebouças), conduzindo a maior cidade da América do Sul ao nível de excelência no modelo de deposição e transporte de resíduos sólidos.

A lista dos 22 pontos foi publicada no Diário oficial do município no início de março em despacho do subprefeito Sérgio Teixeira Alves, autorizando a implantação do sistema. O projeto piloto de automação da coleta de lixo está previsto para iniciar sua operação em poucos dias, utilizando tecnologia europeia com equipamentos fabricados pela unidade brasileira da TNL.

“A utilização dos equipamentos da TNL no projeto piloto em implantação em São Paulo representa um marco para nossa empresa, um passo importantíssimo para consolidar nossa atuação no Brasil, depois de tantos projetos realizados com sucesso em outras grandes cidades do mundo”, declara Manoel Silveira, diretor da TNL Brasil. Segundo a empresa, serão utilizados os equipamentos do tipo Sidetainer: (coleta por carga lateral) compostos por duplas de containers com capacidade para até 8.000 litros de resíduos, os quais são enterrados para que os usuários depositem o lixo através de modernos coletores fabricados em aço.

Esse sistema de coleta, além de mais racional, promove visível evolução no nível de saneamento básico, ao diminuir substancialmente o contato da população com material em decomposição e possíveis focos de contaminação. O sistema automatizado através de alta tecnologia, permite ao condutor do veículo elevar os containers ao nível da rua através de controle remoto para realizar o recolhimento mecanizado do lixo pelo caminhão.

Outro modelo de equipamento chamado Bigtainer, composto por um compactador de lixo enterrado, também faz parte do sistema. Sua capacidade de armazenamento pode chegar a 10 toneladas de lixo, sendo portanto adequado para instalação em zonas de grande geração de resíduos, como em comunidades, mercados, shoppings e outros pontos estratégicos.

Ambos modelos de equipamentos são monitorados por uma central de controle com dados de seu funcionamento, inclusive avisando quando estão cheios e devem ser coletados.

As primeiras unidades, uma de cada tipo, foram instaladas na esquina da Av. Rebouças com Faria Lima e na Comunidade Nova União, em Pirituba, zona Oeste da cidade.

A TNL chega ao Brasil com firme propósito de contribuir para a inauguração de uma nova era no gerenciamento de resíduos sólidos no país, uma vez que o sistema de contentorização subterrânea desenvolvido pela empresa representa uma solução moderna e adequada para o acondicionamento de resíduos, isolando o usuário do contato e exposição ao lixo, eliminando o mau cheiro e melhorando sua integração ao ambiente urbano.

Outra vantagem do sistema TNL é sua adaptabilidade. A empresa dispõe de um tipo de equipamento para cada modalidade, ou seja, se uma empresa ou município já adota determinada forma de coleta (a mais difundida no no Brasil é a carga traseira) e possui frota de caminhões para isso, pode implantar equipamentos da TNL sem ter de mudar sua linha de implementos.
 

Fonte:Estillo & Arte Assessores