Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Prefeito apresenta novo modelo...

Prefeito apresenta novo modelo de trólebus que vai renovar a frota da cidade

Publicada em : 14/11/2011

Até dezembro de 2012, 127 novos trólebus vão entrar em circulação

O prefeito Gilberto Kassab apresentou o novo modelo de trólebus que vai circular pela cidade. A inovação mantém o investimento em tecnologias limpas no transporte público e dá continuidade à renovação de 70% da frota de veículos desse modal até 2012. Além de ser mais moderno, o novo modelo é mais econômico e respeita as normas de acessibilidade para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.

O novo carro tem capacidade total para 81 passageiros (sentados e de pé), tem piso rebaixado e portas mais largas para facilitar o embarque e desembarque. Além disso, a tecnologia digital do veículo o faz mais silencioso e mais econômico em comparação com o modelo antigo, pois o consumo de energia elétrica para seu deslocamento é menor. O primeiro ônibus do modelo entra em operação ainda nesta semana e vai operar na linha 2290 Terminal São Mateus - Terminal Parque Dom Pedro II.

Atualmente, 198 trólebus circulam pela cidade em 11 linhas da SPTrans, a maioria sendo na Zona Leste. Mais de 100 mil passageiros utilizam este meio de transporte por dia que, até o final deste ano, vai ter 27 veículos do novo modelo circulando pela cidade. Ao final do primeiro semestre de 2012, mais 50 veículos entrarão em operação e até dezembro do mesmo ano mais 50 ônibus.

A renovação da frota de trólebus da cidade faz parte dos esforços da Prefeitura em utilizar novas matrizes energéticas para minimizar a emissão de poluentes no ar da cidade. Implantados em São Paulo na década de 1950, os trólebus são um modal com emissão zero de poluição.

Em fevereiro deste ano, a Prefeitura, por meio da Secretaria dos Transportes, lançou o Programa EcoFrota, que prevê a implantação progressiva de combustíveis limpos no sistema de ônibus. A iniciativa respeita a Lei de Mudanças Clima, que determina o uso de combustível renovável em todo o sistema de transporte público até 2018.
 

Fonte:SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo Coordenação de Imprensa