Notícias

Home/ Notícias Online/ Notícias/ Novo modelo

Novo modelo

Publicada em : 09/11/2011

Pagamento eletrônico de pedágio será testado na região de Indaiatuba

A Rodovia Santos Dumont, SP 75, no trecho entre Itu (km 15) e Campinas (km 77,6) receberá teste do novo modelo de pagamento de pedágio por trecho percorrido. O sistema eletrônico funcionará com a instalação de nove conjuntos de pórticos com antenas ao longo da via. Os pórticos fazem a leitura automática de tags colocados nos veículos, os identifica e registra a cobrança. O projeto piloto faz parte de uma política de transportes desenvolvida pelo Governo do Estado que trará uma tarifa mais justa ao usuário.

Na praça de pedágio localizada no km 60,8 da SP 75 em Indaiatuba, o usuário paga hoje R$ 10,10 pelos 70,5 quilômetros de via colocados a sua disposição. Com o sistema de cobrança por trecho percorrido, a tarifa se torna mais justa. Por exemplo, o usuário que sair de Indaiatuba com destino a Campinas pagará R$ 4,10, ao invés dos R$ 10,10 cobrados hoje. Haverá uma redução de 59,4% na tarifa. A cada pórtico ultrapassado será somado o valor correspondente ao trecho percorrido. Entre Indaiatuba e Campinas haverá três pórticos.

Com o novo sistema serão instalados nove conjuntos de pórticos ao longo da via, o que permitirá o pagamento de valor proporcional ao que efetivamente for percorrido. O motorista pagará somente pelo trecho que andar na rodovia. Cada pórtico é uma espécie de praça de pedágio virtual, mas sem barreiras e cabines de cobrança.

Para viabilizar novas formas de pagamento do pedágio será adotado o sistema pré-pago. Haverá possibilidade de recargas de créditos com cartões de crédito e débito em postos específicos ou mesmo em dinheiro. O teste do novo sistema de cobrança eletrônica deve entrar em operação a partir do início de 2012 e a adesão do usuário será voluntária. O projeto piloto terá duração prevista de 12 meses. No sexto mês será feita uma avaliação detalhada sobre o equipamento. Também haverá uma pesquisa de satisfação do usuário.

Veja onde deverão ficar os pórticos e os valores a serem cobrados nesses pontos:

P1 – km 25,7 – Itu – R$ 2,50
P2 – km 36,4 – Salto – R$ 1,00
P3 – km 38,2 – Salto – R$ 0,70
P4 – km 43,3 – Salto – R$ 1,80
P5 – km 60,8 – Indaiatuba, na praça de pedágio – R$ 1,80
P6 – km 66,7 – Campinas – R$ 0,90
P7 – km 70,6 – Campinas – R$ 1,40
P8 e P9 – km 62 – Indaiatuba, acessos aos bairros nos pedágios de bloqueio. 

Fonte:ARTESP - Assessoria de Imprensa