Educação

Home/ Notícias Online/ Educação/ VI Prêmio Econoteen

VI Prêmio Econoteen

Publicada em : 16/08/2012

Alunos de escolas públicas têm até sexta-feira para se inscrever


Alunos que cursam a 2ª ou 3ª série do Ensino Médio em escolas da rede estadual e municipal de São Paulo têm até sexta-feira, 17 de agosto, para se inscrever no VI Prêmio Econoteen, que tem como tema “Educação e desenvolvimento socioeconômico no Brasil”. Para participar cada estudante deve escrever um ensaio respondendo à pergunta “No que a Educação pode ajudar para o desenvolvimento socioeconômico brasileiro?”.

O objetivo da competição, promovida pelo Departamento de Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP), é apresentar o pensamento econômico aos alunos do Ensino Médio e estimulá-los a pensar sobre os problemas econômicos do país, além de mostrar assuntos abordados por economistas e os caminhos que o profissional da área pode seguir. No ano passado, foram mais de 480 trabalhos inscritos.

Os interessados podem se inscrever gratuitamente no site www.fea.usp.br/econoteen/inscricao.php. Após o cadastro, os participantes deverão enviar os ensaios completos até 14 de setembro para o Departamento de Economia da FEA-USP. O trabalho deve ser, obrigatoriamente, uma dissertação inédita e ter de 7 a 12 páginas. Os inscritos precisam comprovar que são alunos da 2ª ou 3ª série do Ensino Médio em escolas públicas da rede estadual ou municipal, no período de realização do ensaio.

A sexta edição do concurso terá prêmios em dinheiro para os ganhadores, que receberão R$ 1.500 (1º colocado); R$ 1.000 (2º lugar); R$ 600 (3ª posição); R$ 500 (4º colocado) e R$ 400 (5º lugar). Os 6º e 7° colocados receberão menção honrosa.

Os critérios de avaliação dos trabalhos não levarão em conta o ponto de vista do autor, e sim o desenvolvimento do texto e a coerência dos argumentos empregados. Também será avaliada a utilização de conceitos de economia feita pelo estudante. A divulgação dos ganhadores será em novembro.

Com a dissertação “Copa do Mundo de Futebol, Olimpíadas e Objetivos do Milênio: custos de oportunidade no país do Carnaval”, Caio Vieira dos Santos, 19 anos, conquistou o primeiro lugar no concurso em 2011, então aluno da Escola Técnica Estadual Professor Eudécio Luiz Vicente, localizada em Adamantina (578 km de SP). “Eu tinha como base que a economia mexia só com cálculo, mas depois que participei do concurso pesquisei muito e descobri que a economia está no dia a dia das pessoas, em cada escolha que fazem”, diz ele, agora estudante de direito. “Na época guardei o dinheiro que ganhei e agora aproveitei para comprar os livros da faculdade, que são bem caros”, acrescenta Caio.

Fonte:Secretaria da Educação do Estado de São Paulo