Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Sinfônica de Bamberg

Sinfônica de Bamberg

Publicada em : 13/04/2016

Rudolf Buchbinder se apresenta na Temporada 2016 do Mozarteum Brasileiro

Divulgação
• É a última turnê internacional de Jonathan Nott à frente da Bamberg, da qual se despede definitivamente em agosto 

•  Além dos concertos na Sala São Paulo, a orquestra também se apresentará  em eventos gratuitos no Auditório Ibirapuera, incluindo uma matinê para crianças

Com raízes que remetem a uma tradição musical de mais de 230 anos, a Sinfônica de Bamberg – Filarmônica do Estado da Baviera, é a segunda atração da Temporada 2016 do Mozarteum. Acompanham a sinfônica o célebre pianista Rudolf Buchbinder, considerado pelos críticos “um dos mais importantes e competentes especialistas em Beethoven”, e o clarinetista Günther Forstmaier, um dos grandes virtuosos da atualidade. Com 115 músicos e um repertório que inclui Beethoven, Mozart e George Gershwin, a orquestra promete proporcionar ao público momentos memoráveis em quatro concertos: dias 23 e 24/5, na Sala São Paulo, e dois gratuitos, no Auditório do Ibirapuera; dia 21, exclusivo para crianças, e dia 22, aberto ao público na área externa.
Para o concerto na Sala São Paulo, em 23 de maio, a Bamberg selecionou a 5ª Sinfonia de Beethoven, uma das mais conhecidas obras do compositor. Completam o repertório peças de Mozart: a abertura de As Bodas de Fígaro, considerada a peça mais famosa da ópera, e o Concerto para Clarinete, que permitirá ao público apreciar o virtuosismo de Günther Forstmaier.
No dia 24, Beethoven retorna ao palco com a 6ª Sinfonia, conhecida como Pastoral, em que o compositor retrata com profundo intimismo seu amor pela natureza, e a abertura de Egmont, composta para a peça de Goethe de mesmo nome e que se destaca por sua força e caráter triunfante. Buchbinder assume o piano para executar o Concerto para Piano do norte-americano George Gershwin, compositor jazz-lírico e autor de inúmeras obras que se tornaram ícones em seu gênero.
Sobre a Bamberg
A orquestra foi fundada em 1946 – completa 70 anos em 2016 - após um decreto presidencial expulsar os músicos alemães da então Tchecoslováquia, mas sua tradição sonora remonta à cidade de Praga da época de Mahler e Mozart. Foi a primeira orquestra alemã a se apresentar fora do país após a Segunda Guerra Mundial, tornando-se embaixadora musical da Alemanha. Em sua trajetória, constam mais de sete mil concertos em mais de 500 cidades e 60 países. É presença regular em grandes festivais e nas principais salas de concertos do mundo. Sob a condução e direção artística de Jonathan Nott, já se apresentou até para o então Papa Bento XVI, no Castelo Gandolfo.
Além de seu trabalho orquestral, a Bamberg ainda mantém uma academia para jovens talentos, com o objetivo de transmitir a futuros músicos o lendário “som bamberguiano”. Nela, os estudantes conhecem o dia a dia da orquestra e ainda têm a chance de se tornarem os próximos músicos da Bamberg.
Sobre Jonathan Nott
Ao encerrar seu contrato com a Bamberg em agosto deste ano, o regente inglês Jonathan Nott terá estado à frente da orquestra 658 vezes, em 16 anos – nunca na história da sinfônica nenhum outro maestro alcançou tal participação. Sob sua condução, a orquestra se destacou internacionalmente na execução dos mais variados repertórios e passou a figurar entre as principais orquestras dedicadas a Mahler. Juntos, desenvolveram por quase 10 anos o projeto de gravação de diversas sinfonias acabadas de Mahler. O trabalho recebeu elogios da crítica e importantes prêmios.
O próprio regente manifestou ao Mozarteum seu desejo de fazer no Brasil sua última apresentação internacional à frente da orquestra. Em 2017, Nott estreia como regente titular e diretor musical da Orchestre de la Suisse Romande, de Genebra.
Sobre Rudolf Buchbinder
Com uma intensa trajetória musical que soma 50 anos de carreira, Rudolf Buchbinder, promete uma brilhante apresentação nessa Temporada. Reconhecido como um dos maiores pianistas do mundo, suas interpretações de Ludwig van Beethoven são consideradas benchmarks. Ele continua a definir padrões com seu desempenho do ciclo completo das 32 sonatas para piano, apresentado em mais de 40 cidades – entre elas Viena, Munique, Zurique, São Petersburgo, Pequim e Milão.
Dono de amplo repertório, que inclui também várias obras do século XX, Rudolf Buchbinder tem mais de 100 discos gravados, muitos ao vivo, entre eles os trabalhos completos para piano de Haydn e os dois concertos para piano de Brahms. Provavelmente é o único músico a ter gravado toda a segunda parte da antologia Vaterländischer Künstlerverein (Variações Diabelli), de Anton Diabelli. Em 2014 executou as sonatas de Beethoven em sete recitais no Festival de Salzburgo, sendo o primeiro pianista a fazê-lo. Buchbinder foi apontado como “um dos mais importantes e competentes especialistas em Beethoven”, pelo jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung.
A paixão de Buchbinder pelo piano começou bem cedo, tanto que aos cinco anos de idade ingressou na Academia Júnior da Escola de Música de Viena. Aos 11 foi aceito na classe do renomado professor Bruno Seidlhofer, onde foi colega do pianista brasileiro Nelson Freire, também uma das atrações da Temporada do Mozarteum.
Sobre Günther Fortsmaier
As interpretações do clarinetista alemão Günther Forstmaier, consideradas inusitadas, são aclamadas por plateias do mundo inteiro e certamente não será diferente no Brasil. Decidiu tocar clarinete aos nove anos de idade e foi fazer sua formação nas faculdades de música de Freiburg e Hannover. Ainda estudante, venceu o Concurso Alemão de Música de Bonn e, logo depois, o Concurso Internacional de Markneukirchen. Nessa época ocupou por dois anos a posição de solista da Orquestra Jovem Gustav Mahler. Atualmente é clarinetista solo na Sinfônica de Bamberg. O músico já tocou com todas as grandes orquestras alemãs, como Filarmônica de Berlim, Filarmônica de Munique e Orquestra Sinfônica de Radiodifusão da Baviera, e sob a regência de renomados maestros, como Daniel Barenboim, Wolfgang Sawallisch, Bernard Haitink, Christian Thielemann, Zubin Mehta e Claudio Abbado.

Matinê para crianças e concerto ao ar livre - gratuitos
Os concertos da Sinfônica de Bamberg começam dia 21/5, às 16h, com uma matinê gratuita para crianças na área interna do Auditório Ibirapuera, onde será executada a Sinfonia nº 6 – Pastoral, de Beethoven, com apresentação dos instrumentos na composição da música. O espetáculo lúdico e didático é exclusivo para o público infantil e adultos devem estar acompanhados de pelo menos três crianças. Os ingressos devem ser retirados uma hora antes do concerto, na bilheteria do teatro, gratuitamente.
No dia 22/5, às 11h, em concerto ao ar livre, na área externa do Auditório Ibirapuera, haverá a execução da abertura de As Bodas de Fígaro, do Concerto para Clarinete (ambas peças de Mozart), da abertura de Egmont (Beethoven) e da Raphsody in Blue (Gershwin).
A Temporada 2016 segue até outubro com apresentações de Gidon Kremer & KREMERata Báltica (21 e 22/6), do tenor Jonas Kaufmann (10/8), de Nelson Freire (30 e 31/8), do violoncelista Mischa Maisky & Tel-Aviv Soloists (13 e 14/9) e do Coro da Rádio de Berlim & Arte Del Mondo (24 e 25/10).

SERVIÇO

Orquestra Sinfônica de Bamberg
Jonathan Nott, regente
Rudolf Buchbinder, piano
Günther Forstmaier, clarinete

21/5 – 16h - Matinê para crianças – Auditório do Ibirapuera - gratuito
Av. Pedro Álvares Cabral, Portão 2, Parque Ibirapuera – (11) 3629-1000

22/5 – 11h – Concerto ao Ar Livre – Plateia externa do Auditório Ibirapuera – gratuito
Av. Pedro Álvares Cabral, Portão 2, Parque Ibirapuera – (11) 3629-1000

23 e 24/5 – 21h – Sala São Paulo (Praça Júlio Prestes, 16 – 3367-9500)
Ingressos / Setores: R$160,00 (D), R$280,00 (C), R$400,00 (B) e R$500,00 (A)

Mozarteum Brasileiro tel. (11) 3815-6377 www.mozarteum.org.br e Ingresso Rápido www.ingressorapido.com.br (Ambos sem taxa de conveniência), e na Bilheteria da Sala São Paulo

Programa

Matinê para crianças - Auditório Ibirapuera
21/5
Ludwig Van Beethoven: Sinfonia nº 6 “Pastoral”

Concerto ao Ar Livre - Plateia externa Auditório Ibirapuera
22/5
Wolfgang Amadeus Mozart: Abertura “As Bodas de Fígaro”
Wolfgang Amadeus Mozart: Concerto para Clarinete
Ludwig van Beethoven: Abertura Egmont
George Gershwin: Raphsody in Blue

Sala São Paulo

23/5
Wolfgang Amadeus Mozart: Abertura “As Bodas de Fígaro”
Wolfgang Amadeus Mozart: Concerto para clarinete
Ludwig van Beethoven: Sinfonia nº 5

24/5
Ludwig van Beethoven: Abertura Egmont
George Gershwin: Concerto para piano em Fa
Ludwig van Beethoven: Sinfonia nº 6 “Pastoral”

Programação sujeita a alterações.
Classificação etária indicativa: 7 anos

24/05 - Masterclasses: violino, viola, flauta, clarinete e percussão - das 10h às 13h
Ouvintes: inscrições no Mozarteum Brasileiro, pelo telefone (11) 3815-6377, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h

Assinaturas: Novas assinaturas para a Temporada 2016 ainda estão disponíveis e o público pode escolher entre o pacote padrão da temporada ou o comemorativo de 35 anos, que incluiu o único concerto de Jonas Kaufmann no Brasil. Os descontos para novos assinantes com relação à venda de ingressos avulsos são de 20%. Mais informações no site www.mozarteum.org.br ou pelo telefone (11) 3815-6377.

Doações – Além de patrocínio de empresas, pessoas físicas também podem colaborar com os concertos e demais atividades do Mozarteum Brasileiro por meio de doações. São cotas a partir de R$ 1 mil, com direito a diferentes benefícios, e isenção fiscal de até 100% do valor da contribuição (até o limite de 6% do imposto de renda a pagar) com base na Lei Rouanet.
Patrocinadores
Mantenedores: Banco Votorantim, EMS
Ouro: BNDES, Bradesco
Prata: Deloitte, Clariant, Hochtief, Mahle, ThyssenKrupp

Fonte:Press Services Soluções Integradas em Comunicação