Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Cidade Desterrada

Cidade Desterrada

Publicada em : 11/11/2015

Cidade desterrada possui texto e direção do grupo, e é fruto da pesquisa com moradores da maior Cohab da América Latina

Divulgação
No dia 14 de novembro, sábado, às 20 horas, o Grupo Pombas Urbanas estreia o espetáculo teatral Cidade Desterrada no Centro Cultural Arte em Construção. A montagem é fruto da vivência no bairro paulistano Cidade Tiradentes, onde o grupo tem sua sede, há 10 anos. A temporada gratuita vai até o dia 4 de dezembro, de terça a sexta, às 15h e às 20h, e aos sábado, às 20h.

O espetáculo tem início com a chegada dos Encantados, seres cósmicos e imaginários que representam a força ancestral da comunidade que ali vai existir. Um grande bairro popular cresce nesse lugar repleto de histórias de vida e de lutas por trabalho, comida, saúde, transporte. Logo chega uma trupe de teatro que interpreta as histórias dessa população desterrada. Juntos, artistas e comunidade descobrem que para criar o futuro é preciso cultivar a memória e celebrar a vida.

Sobre a pesquisa de Cidade Desterrada
  
A pesquisa para a montagem de Cidade Desterrada parte da vivência do grupo Pombas Urbanas junto à comunidade do bairro Cidade Tiradentes.  Como dizia o diretor teatral Lino Rojas (1942-2005), “o ator é aquele que cria e transforma o espaço em que vive”. Há 11 anos, os atores do Pombas Urbanas fundaram um espaço para criar, viver e transformar: o Centro Cultural Arte em Construção. Nele, o grupo ensaia, cria suas peças e convive diariamente com a comunidade do bairro. O prédio que abriga este centro cultural comunitário é um galpão que foi o primeiro supermercado de toda região e, posteriormente, ficou abandonado por quase 10 anos.  A partir da pesquisa sobre memória, território e identidade, o espetáculo representa as histórias dos moradores de Cidade Tiradentes, as vivências do grupo na região e a memória do galpão (o supermercado que virou espaço cultural). Com base em estudos de direção e dramaturgia feitos por todo grupo, entre 2012 e 2014, Cidade Desterrada tem criação e direção assinadas de forma coletiva.

De grande importância para a pesquisa foram os encontros comunitários “Café Memória”, dezenas deles realizados pelo Pombas Urbanas, entre 2012 e 2013, nos quais os moradores contavam histórias de vida e sobre a região, fatos tiveram grande relevância para a formação da identidade local. Assim, as cenas apresentam a nova e a velha realidade, que no lugar de embrutecer, podem anunciar um tempo mais humano e libertário. “Aqui tem história! Aqui tem memória!”

Sobre o grupo

O Grupo Pombas Urbanas nasceu a partir de uma experiência prática de fazer artístico que teve seu início em 1989, quando o diretor teatral Lino Rojas (1942-2005) iniciou o projeto Semear Asas com adolescentes e jovens de São Miguel Paulista, zona leste de São Paulo. Desde então, este processo resultou na criação de um repertório de espetáculos com temas presentes da periferia ao centro da cidade, sempre sob a ótica de populações mais marginalizadas que poucas vezes têm voz nos espaços de comunicação de massa. O repertório de grupo conta com 13 espetáculos, entre eles Era Uma Vez um Rei, espetáculo de rua que estreou em 2014, e Todo Mundo tem um Sonho, infantil que, desde 2002, circula por mostras e festivais do Brasil e da América Latina


Serviço
Estreia: 14 de novembro às 20h
Temporada: de 17 de novembro a 4 de dezembro.
Horários: de terça a sexta, às 15h e às 20h; sábado, às 20h.
Local: Centro Cultural Arte em Construção
Avenida dos Metalúrgicos, n° 2100. Cidade Tiradentes. São Paulo/SP
Informações e reservas: (11) 2285-7758
Ingressos: Grátis. Bilheteria: 1h antes das sessões. 80 lugares.
Duração: 70min. Classificação: 12 anos. Gênero: Drama

Fonte:Verbena Comunicação