Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Banda do Bloquinho e o Boi Bum...

Banda do Bloquinho e o Boi Bumbá

Publicada em : 25/06/2015

Oficina de Alegria realiza a festa com entrada gratuita

Divulgação
Crianças e adultos de todas as idades poderão vivenciar e se divertir com a festa, na Praça Victor Civita, em Pinheiros

A Oficina de Alegria, com incentivo do Governo do Estado de São Paulo e da Secretaria de Cultura, e patrocínio da Apsen Farmacêutica, promove a festa, com entrada gratuita, da Banda do Bloquinho e o Boi Bumbá no dia 18 de julho (sábado), das 9h às 13h, na Praça Victor Civita, no bairro de Pinheiros, em São Paulo para toda a família dançar, brincar e aproveitar esta festa inspirada na lenda folclórica da cultura brasileira.

A partir das 11h, começa o show da Banda do Bloquinho, liderada pelo mestre Carlos Sant’Anna, mais conhecido como “Negão da Serrinha” e mais oito músicos (Mestre DaLua e Samba Sam na percussão, André Kurchal na bateria, Marcelo Kurchal na guitarra, Gustavo Sousa no Trompete, Edy no Trombone e Juliano Juba no vocal) com figurino característico da festa. No repertório terá composições de Luiz Gonzaga (“Boi Bumbá”, “Riacho do Navio”, “Xote das Meninas”), Dominguinhos (“Eu só quero um Xodó”, “Penha”, “Olha isso aqui tá muito bom”), além das músicas típicas de MPB: “Fico Assim Sem Você”, “A Banda”, “Marinheiro Só”, “Meia Lua Inteira “, rock nacional: “Sonífera Ilha”, e repertório tradicional infantil como “O Sapo Não Lava e Pé”.

A decoração da festa terá elementos que remetem a festa do Boi Bumbá, típica da região norte e nordeste do país que mescla e incorpora a dança com o teatro da tradição espanhola e portuguesa, com encenações de peças religiosas para demonstrar a fragilidade do homem e a força bruta de um boi. Durante a festa as crianças poderão ajudar a completar com os enfeites e adereços, na Praça Civita.

A Banda do Bloquinho em parceria com a ONG Mailing do Bem, que realiza campanhas sociais destinada aos idosos, crianças, moradores de rua, animais, esporte e educação (http://www.mailingdobem.org), reservará um espaço para o público infantil, com a ajuda dos monitores, plantar sementes em vasos ecologicamente sustentáveis (feitos de garrafa pet), que as crianças poderão levar para casa. Outra recreação para o público infantil será a “Árvore dos Desejos”, onde elas escrevem, em um papel adesivo, os seus desejos para um mundo melhor, e colam nesta árvore feita de papelão.


Sobre a Banda do Bloquinho:

A Banda do Bloquinho, criado em 2014 por Flávia Doria e Mariana Bussab, da Oficina de Alegria e liderado pelo mestre Carlos Sant’Anna (Negão da Serrinha), visa estimular a reapropriação da rua e espaços públicos (ruas e praças) para estimular e incentivar a noção de cidadania nas crianças através do sentimento de coletividade, simplicidade e liberdade.
As crianças são as principais agentes capazes de fazer mudanças culturais, já que suas escolhas são cada vez mais ativas dentro das decisões familiares e a consciência socioambiental reforçada através das novas abordagens educacionais na escola, resultando também na transformação comportamental de suas famílias.

A Banda do Bloquinho estreou em 2014 seu o desfile de Carnaval, na Rua Fidalga (ao lado da Praça Eder Sader), no bairro de Vila Madalena, em São Paulo. No ano seguinte, a festa foi em homenagem ao Carnaval de Olinda, reunindo 3 mil pessoas na Praça Horácio Sabino, Vila Madalena.


Sobre a Oficina de Alegria:
https://pt-br.facebook.com/oficinadealegria

A Oficina de Alegria, fundada há quatro anos, é uma rede de empreendedores, hoje formada pelos sócios Alan Edelstein, Flavia Doria, César Pacci e Fernando Pegoretti, que deixaram suas carreiras tradicionais para se dedicarem exclusivamente ao desenvolvimento de projetos que têm como missão provocar sorrisos proporcionando cultura e alegria aos cidadãos paulistanos, como o realizado em 2011 quando a Oficina de Alegria trouxe para São Paulo o Bangalafumenga. A partir de então, foi criada a Oficina de Percussão em São Paulo, que em 2012 contava com 60 batuqueiros. Atualmente já são mais de 220 batuqueiros, que fazem parte da bateria do Bangalafumenga na cidade e participam das festas promovidas pela Oficina de Alegria.

A Oficina de Alegria é uma empresa que estimula e apoia novos empreendedores interessados em elaborar projetos especiais e inovadores de entretenimento e transformação cultural, tendo como missão resgatar a cultura popular brasileira através da música, estimulando e integrando democraticamente pessoas de 18 a 80 anos de idade, e de diversas profissões (estudantes, médicos, jornalistas, publicitários) a participar, desenvolver e aprender a tocar instrumentos, estimulando valores como cidadania, respeito ao meio ambiente, resgatar o espírito das festas nas ruas e praças das cidades, promovendo uma atitude cidadã entre as crianças através do espírito de coletividade, simplicidade e liberdade, o que irá transformar o comportamento de suas famílias.

Com uma logística cuidadosa e profissional, a Oficina de Alegria, com leis de incentivo, patrocínio de empresas privadas, parceria com órgãos públicos, cooperativas e ONG’s, organiza anualmente eventos temáticos, desfiles de Carnaval e ensaios abertos como os realizados para os blocos de rua: Bangalafumenga, Sargento Pimenta, Casa Comigo, Fogo & Faixão, ocorridos no Grand Metrópole, Carioca Club, Avenida Paulo VI e Praça Victor Civita. Além disso, pensando no público infantil e suas famílias, a Oficina de Alegria criou a Banda do Bloquinho, bloco musical formado por músicos alegres e brincalhões, sempre proporcionando cultura e alegria.

Para a realização dos eventos, a Oficina de Alegria empenhada no conforto e segurança dos participantes seleciona sempre lugares adequados e de fácil acesso, distribui e sinaliza com placas indicativas a cerca dos eventos onde estão localizados os banheiros químicos (incluindo o de acessibilidade), lixeiras, postos médicos, ambulâncias, UTI’s móveis, seguranças e quiosques de alimentação. A limpeza tem parceria da Prefeitura de São Paulo, assim como de cooperativas e ONG’s, que coletam resíduos (papel e metal) para o processo de reciclagem beneficiando a renda familiar dos coletores.


Serviço:
Banda do Bloquinho e o Boi Bumbá

Realização: Oficina de Alegria
Local: Praça Victor Civita, em Pinheiros (Rua Sumidouro, em frente ao prédio da Editora Abril - perto da Marginal Pinheiros)
Dia: 18 de julho (sábado)
Horário do evento: das 9h às 13h
Show da Banda do Bloquinho: das 11h às 13h
Entrada Gratuita
Capacidade do local: 1.200 pessoas. A entrada estará sujeita à lotação do espaço.
O palco é coberto
Há uma arquibancada coberta que comporta 300 pessoas
Não haverá comercialização de comidas e bebidas

Fonte:MARRA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO