Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Memória sobre os trilhos

Memória sobre os trilhos

Publicada em : 20/05/2013

Estação da Luz recebe exposição inédita sobre a São Paulo Railways



Resgatar a memória de uma das mais importantes ferrovias do País por meio da interação com a arquitetura inglesa da histórica Estação da Luz. É com esta proposta que a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) promoverá, de 22 de maio a  5 de junho, a exposição “A Ingleza e o Inglês”, organizada pelo Grupo Tejofran e Trail Engenharia.

Com 80 fotos distribuídas em 14 painéis, a exposição reúne as imagens de arquivo do engenheiro inglês Charles Robert Mayo, que acompanhou a ascensão e queda da Estrada de Ferro Santos-Jundiaí nas primeiras décadas do século XX.

Um dos destaques da mostra são os painéis que remetem à tecnologia da época e os desafios enfrentados na construção, principalmente na Serra do Mar, importante via de exportação e de chegada à capital paulista. Outros destaques são os painéis que representam a importância do empresário Charles Mayo para a área férrea no Brasil, além das locomotivas e os carros de luxo.

A mostra é dividida em cinco temas: A Face Empreendedora de Charles Mayo; Os Desafios da Serra do Mar; A Beleza da Engenharia e a Arte da Tecnologia; A Ferrovia e o Despertar das Cidades; e Locomotivas, Carros de Luxo e Vagões. A seleção revela a influência dos costumes e requintes europeus na sociedade paulistana.

No dia da abertura da exposição, 22 de maio, às 11h, também está previsto o lançamento do livro “A Ingleza e o Inglês”, escrito pelos historiadores Lucília Siqueira e Antonio Soukef Júnior, fonte de pesquisa dos curadores da exposição homônima. Com foco histórico e acadêmico, o livro reúne desenhos de engenharia e imagens que revelam a importância da ferrovia paulista no desenvolvimento do País.

Após a permanência na Estação da Luz, até dia 5 de junho, a exposição seguirá para as estações Palmeiras-Barra Funda e Brás da CPTM.

Serviço
Exposição “A Ingleza e o Inglês”
Locais e datas:
Estação da Luz: de 22 de maio a 5 de junho
Estação Palmeiras-Barra Funda: de 6 a 26 de junho
Estação Brás: de 27 de junho a 10 de julho

Fonte:CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos