Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ O Olho Azul da Falecida

O Olho Azul da Falecida

Publicada em : 07/11/2012

Um homem de luto pela morte de sua esposa, uma serial killer viúva de sete maridos, um ladrão em conspiração com um agente funerário, um tesouro e um cadáver, que está presente em toda a trama fazem parte da comédia de Joe Orton


O sr. McLeavy (Elcio Romar) é um homem inocente de luto pela morte de sua esposa. Seu filho, Hal, em conspiração com um agente funerário chamado Dennis, que é também seu amante, assaltam o banco ao lado da funerária. Quando o detetive Truscott (Genézio de Barros) começa a busca, bisbilhotando a casa do Sr. McLeavy (Élcio Romar), Hal (Marco Pigossi) e Dennis (Helder Agostinni) decidem esconder o tesouro no caixão da mãe.

Como ambos não cabem lá, eles movem o cadáver para o guarda-roupa, pondo em movimento um jogo que marca o dilema do que fazer com o corpo. Fay (Gláucia Rodrigues), a enfermeira que matou a Sra. McLeavy, tem planos de se casar e depois matar o Sr. McLeavy e é, por algum motivo, o objeto de afeto de Dennis. 

Os tempos estão difíceis e a humanidade, a todo custo, tenta manter as aparências. Faz e desfaz as mais surpreendentes alianças, sempre com o firme propósito de “se dar bem”, de conquistar aquilo que mais interessa: dinheiro. As personagens da trama disputam um jogo estonteante, onde blefar é a regra geral, dentro de uma situação absolutamente rotineira que vai sendo conduzida para um ângulo totalmente absurdo.

FICHA TÉCNICA: 
Texto: Joe Orton. Tradução: Bárbara Heliodora. Direção: José Henrique. Elenco: Genézio de Barros, Gláucia Rodrigues, Marco Pigossi, Helder Agostinni e Rico Malta. Cenário: José Dias. Figurino: Samuel Abrantes. Iluminação: Rogério Wiltgen. Trilha Sonora: Wagner Campos: Produção Executiva: Valéria Meirelles. Direção de Produção: Edmundo Lippi.

SERVIÇO
O Olho Azul da Falecida estreia dia 9 de novembro, sexta-feira, às 21h30 no Teatro GEO - Rua Coropés, 88 – Pinheiros. Telefone: 11 3728 4925. Temporada: sextas, às 21h30 / sábados, às 21h / domingos, às 19h. Censura: 12 anos. Duração: 90 minutos. Capacidade: 627 lugares. Ingressos: R$ 60,00 (6ª. feira) R$ 70,00 (sábado e domingo). Até 16 de dezembro. 

Fonte:Arteplural Comunicação