Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Regina Duarte de volta aos pal...

Regina Duarte de volta aos palcos

Publicada em : 17/10/2012

Regina Duarte, 50 anos de carreira, volta ao palco paulistano em farsa tragicômica de autor nacional


Criança, ela gostava de ouvir o pai, o cearense Jesus, dizer “eita diabo!” cada vez que alguma coisa o contrariava. O sotaque carregado deixou marcas na menina, hoje um dos principais nomes das artes cênicas brasileiras. Esta lembrança de infância é uma das razões que levaram Regina Duarte, que comemora seus 50 anos de carreira, a se apaixonar por Raimunda Raimunda, do piauiense Francisco Pereira da Silva (1918- 1985).

A montagem - que marca a volta da atriz ausente dos palcos desde Coração Bazar, de 2005 - estreia para público no dia 19 de outubro, sexta-feira, no Teatro Raul Cortez, às 21 horas. Regina divide o palco com um elenco de oito atores: Allan Souza Lima, André Cursino, Creo Kellab, Henrique Pinho, Ricardo Soares, Rodrigo Becker, Rodrigo Candelot e Saulo Segreto.

Paulista de Franca, 35 novelas, 10 espetáculos teatrais e 14 filmes na bagagem, Regina Duarte revela, no programa da nova peça: “No começo dos ensaios me perguntava por que Raimunda?! Não sabia ainda de que raízes brotava a obsessão por comunicar aquele universo. Seria a caudalosa beleza do diálogo curto, grosso e carregado de humor e poesia do Chico Pereira da Silva? Seria aquele palavreado, o som da prosódia nordestina gravado em minha memória? Só podia ser isso”.

Quem sabe se não se deve à memória que Regina guardou do cirquinho que em 1955 acampou no terreno baldio da sua infância? “Sim, tem muito a ver com este clima! Com o acender daquelas luzes, sinto que germinava ali a semente do que se tornaria um dos sentidos da minha passagem por esta vida. Bateu forte, sem dúvida, vontade de partilhar com os brasileiros o redescobrimento deste nosso autor. Chico Pereira tem dramaturgia rica, vigorosa e tem sido, a meu ver, injustamente esquecido.” 

“Acredito que interpretar Raimunda tenha tudo a ver também com a minha sede permanente de investigar o que me faz cúmplice de minhas escolhas nas opções que a vida me oferece. O sentimento de identificação que tive por Raimunda tem a ver com os dilemas que me abatem sempre que devo escolher o caminho que me levará a obter mais ou menos momentos felizes. E afinal, questiona Chico Pereira, o que é, realmente, ser feliz ?”

Ficha técnica
Autor: Francisco Pereira da Silva.
Direção: Regina Duarte.
Cenografia: José Dias.
Figurinos: Regina Carvalho com colaboração de Beth Filipecki e Renaldo Machado.
Trilha Sonora: Charles Kahn.
Direção de Movimento: Sueli Guerra.
Iluminação: Djalma Amaral e Wilson Reiz.
Elenco: Regina Duarte, Allan Souza Lima, André Cursino, Creo Kellab, Henrique Pinho, Ricardo Soares, Rodrigo Becker, Rodrigo Candelot, Saulo Segreto. Assistente de Direção: Amanda Mendes.
Assistente de Movimento: Edney D’Conti.
Adereços: Orlando N. da Silva - 7FX - Efeitos Especiais.
Ilustrações e Arte Gráfica: João Paulo Andrade.
Fotos: Denise Ricardo e João Gomez.
Visagismo: William Ferrari.
Operador de Som: Maria Montysuma.
Operador de Imagens: Alan Fróis.
Operador de Luz: Guilherme Flores.
Contraregra: Rahoni Leher.
Cenotécnico: Adílio Athos - Ribalta Teatro, TV, Cine Ltda.
Direção de Produção: Humberto Braga.
Idealização e Coordenação Geral: Hermes Frederico.
Produção:Frederico e Osório Produções Culturais.
Produção em SÃO PAULO – Cristina Sato e Paulo Ferre.

Para Roteiro:
Raimunda Raimunda – Estreia para público no dia 19 de outubro, sexta, às 21 horas. Estreia para convidados - dia 18 de outubro, quinta feira, às 21 horas.
Temporada: sexta às 21h30, Sábado às 21 horas e Domingo às 18 horas. Ingressos: sexta e domingo a R$ 50,00, sábado a R$ 60,00.
Classificação etária – 14 anos
Duração do espetáculo - 80 minutos
Teatro Raul Cortez - R. Dr. Plínio Barreto, 285, Bela Vista - São Paulo – SP. Telefone (11) 2122-4070.
Bilheteria – Terça e quarta- das 14h às 20h. Quinta a Domingo- das 14h às 21 horas.
Lotação - 513 pessoas
Estacionamento: R$20,00.

Fonte:Arteplural Comunicação