Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Sua Incelença, Ricardo III, no...

Sua Incelença, Ricardo III, no SESC Belenzinho

Publicada em : 23/07/2012

Encenada pela primeira vez entre 1592 e 1593, com enorme sucesso, Ricardo III se passa no final da Guerra das Rosas, conflito sucessório pelo trono da Inglaterra, ocorrido entre 1455 e 1485


Uma das peças históricas de William Shakespeare, o espetáculo foi gestado em pesquisa de três anos de duração, depois foi apresentado pela primeira vez em Natal em 2010 e já passou pelos principais festivais do Brasil, como o FIT – Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto, FILO, TEMPO, FIT/BH e o Porto Alegre em Cena, além do Santiago a Mil, no Chile, o mais importante festival da América Latina. A estreia nacional aconteceu em março de 2011, na abertura do Festival de Curitiba.

A cidade de Acari, na região do Seridó, sertão potiguar, serviu de inspiração e fonte de pesquisa para a construção do espetáculo, fruto do encontro dos Clowns de Shakespeare com o diretor mineiro Gabriel Villela.

A forma como o protagonista, ardilosamente, elimina seus concorrentes à coroa para chegar ao poder, abraçando em um dia e matando no outro, é muito familiar às referências políticas do povo brasileiro, do coronelismo e da perpetuação das famílias no poder.

Agregando valor ao universo da música nordestina, o rock clássico inglês traz um tempero especial que conecta a Inglaterra Elisabetana com o Nordeste brasileiro contemporâneo, com citações de bandas como Queen e Supertramp.

Leva a assinatura de Gabriel Villela e do artesão Shicó do Mamulengo (do município de Assu, também responsável pelos adereços de Macbeth, em cartaz no Teatro Vivo) o figurino em couro, cipó e outros materiais típicos do Nordeste, misturados à seda, tecidos nobres do Sudeste e peças modernas de grifes internacionais. Além do figurino, o diretor utilizou outros recursos cênicos para bordar o espetáculo, como o picadeiro do circo, os palhaços mambembes e as carroças ciganas, criando um diálogo entre o sertão e a Inglaterra Elisabetana.

O espetáculo parte do texto Ricardo III, de William Shakespeare, e vai para as ruas por meio do universo lúdico do picadeiro do circo, dos palhaços mambembes, das carroças ciganas, criando um diálogo entre o sertão e a Inglaterra Elisabetana. A pesquisa musical, desenvolvida no trabalho, parte das "incelenças" (excelências), gênero musical tipicamente nordestino, usualmente atrelado aos costumes fúnebres da região, condição muito adequada à história de Ricardo, Duque de Gloucester, e sua trajetória de assassinatos e traições rumo à coroa da Inglaterra.

SERVIÇO
Sua Incelença, Ricardo III
De 25 de julho a 16 de agosto
SESC Belenzinho - Rua Padre Adelino, 1.000. Belenzinho. Telefone: 11 2076-9700. Horário de funcionamento - terça a sábado, das 9h às 22h, domingos e feriados, das 9h às 20h. Central de atendimento terça a sexta, das 9h às 21h30, sábados, domingos e feriados, das 9h às 19h30. Acessibilidade Universal.
Terça a quinta, 20h30
Duração de 90 minutos. Praça. Grátis. Retirada de ingresso uma hora antes do espetáculo (limitado a 2 por pessoa), na Bilheteria do SESC Belenzinho, condicionada à disponibilidade do espaço.

FICHA TÉCNICA
Texto original de William Shakespeare. Adaptação dramatúrgica de Fernando Yamamoto. Com Clowns de Shakespeare (Camille Carvalho, Diana Ramos, Dudu Galvão, César Ferrario, Joel Monteiro, Marco França, Renata Kaiser, Nara Kelly e Titina Medeiros). Cenário de Ronaldo Costa. O Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare é patrocinado pela Petrobras. 

Fonte:Arteplural Comunicação