Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Um palco com atores especiais

Um palco com atores especiais

Publicada em : 21/03/2012

Serão encenados os musicais “Good Morning São Paulo Mixturéba” e “UP3”, que integram o programa de projeto sociais do grupo


O objetivo parece simples: fazer as atividades teatrais acessíveis a qualquer pessoa. Porém, reunir num mesmo palco grupos de atores formados por cadeirantes, deficientes visuais e de Síndrome de Down é um desafio que raros grupos de teatro encaram. Há cerca de nove anos a Oficina dos Menestreis – criada há 20 anos e dirigida pelos atores Deto Montenegro e Marco André Brandão de Magalhães, o Candé, seguindo o método de treinamento artístico dos musicais de Oswaldo Montenegro – faz dessa atividade inclusiva uma marca registrada de seu trabalho.

Ao longo dos meses de abril e maio, o público poderá conferir novas montagens dos espetáculos “Good Morning São Paulo Mixturéba”, que será apresentada nos dias 7, 8, 14, 15, 21, 22, 28 e 29 de abril com elenco formado por deficientes visuais, cadeirantes e menestréis convidados. Já o espetáculo, UP3, nos dias 22 e 29 de abril e 6, 20 e 27 de maio, conta com jovens atores com Síndrome de Down e menestréis convidados. Todas as sessões acontecem no Teatro Dias Gomes, com direção assinada por Deto Montenegro.

Trajetória – A ideia de trabalhar com inclusão surgiu quando Deto Montenegro encontrou, em Brasília onde fazia um projeto na Universidade Dulcina de Morais, uma amiga em reabilitação no Hospital Sara Kubichek, após ficar paraplégica. Foi então que começou esse grande desafio para o diretor: adaptar o treinamento para um grupo de deficientes físicos. Ao longo dos anos essa iniciativa tornou-se referência de superação e inclusão por meio arte, pelo ineditismo de desenvolver teatro musical com deficientes. Após um ano de curso experimental e beneficente o grupo estreou o musical “Noturno” de Oswaldo Montenegro, o primeiro trabalho dos menestréis paulistas, carro-chefe da Oficina dos Menestréis, adaptado e rebatizado de “Noturno Cadeirante”, que em 2013 completará 10 anos.

Com o sucesso da iniciativa, no mesmo ano, a Oficina cria outros projetos sociais, que atendem de forma beneficente públicos especiais, criando o conceito de promover a inclusão social e a formação de público ao tornar as atividades de teatro musical acessíveis a qualquer pessoa.

Surgiram os projetos “Mix Menestréis”, com elenco formado por cadeirantes e deficientes visuais; “Juntos”, que possibilita que jovens em situação de risco sejam incluídos por meio de treinamento artístico; “Maturidade”, somente com atores com 50 anos ou mais e o “UP”, com jovens com de Síndrome de Down. Desde 2009, estes Projetos Sociais recebem o apoio institucional do Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo Fiscal - Rouanet.

No segundo semestre, como parte da programação de atividades dos Projetos Sociais, a Oficina dos Menestréis vai levar ao público espetáculos dos projetos “Juntos” e “Maturidade”.

ESPETÁCULOS
GOOD MORNING SÃO PAULO MIXTURÉBA
Dias 7, 8, 14, 15, 21, 22, 28 e 29 de abril
Sábados às 21h, domingos às 20h
Classificação: 10 anos
Duração: 60 minutos

Concepção e Sinopse
A montagem é encenada como se fosse uma verdadeira rádio teatral, a ZY Bem Bom, capitaneada por dois locutores narram de maneira irreverente as atrações da emissora. Com uma programação repleta de música, coreografias e humor, o espetáculo desenvolve - se por meio de vários esquetes e situações inusitadas, em que o tema da inclusão do deficiente está sempre presente com alto astral e criatividade, fugindo das pieguices e dos estereótipos que costumam permear trabalhos com essas características.

Dessa maneira, o público assistirá a uma mágica apresentação, com um elenco formado por cadeirantes, deficientes visuais e menestréis convidados. As músicas que compõem o espetáculo são tocadas ao vivo pela Banda Exculaxo e a direção é de Deto Montenegro, idealizador dos projetos sociais da Oficina dos Menestréis com um método de teatro musical que tem como proposta descobrir arte nas pessoas.

Ficha Técnica
Direção e Concepção: Deto Montenegro
Textos incidentais: Igor Pires
Músicas: Oswaldo Montenegro
Assistente de direção: Tabata Contri
Elenco: alunos do Projeto Mix Menestreis
Menestréis Convidados: Paulinho Dias, Rafael Baptista e Kuky Sanchez

UP3
Dias 22 e 29 de abril e 6, 20 e 27 de maio
Domingos, às 16h30
Classificação: 10 anos
Duração: 60 minutos

Concepção e Sinopse
UP 3 é o terceiro musical do Projeto UP, da Oficina dos Menestréis e traz um elenco formado por um grupo de 45 alunos com Síndrome de Down, com idade entre 14 e 24 anos, sob direção de Deto Montenegro. Depois de oito meses de treinamento e ensaios, o grupo vai mostrar o resultado artístico deste terceiro processo, repleto de descobertas, risadas, experiências, arte e muito afeto.

No musical, o grupo encenará diversas esquetes e coreografias com música ao vivo e convidados especiais. Diversão, encantamento, autenticidade são a marca deste musical que há três anos inova com informações e reflexões sobre inclusão da pessoa com deficiência por meio do teatro musical feito pelos menestréis.

Cenas no link: http://www.youtube.com/watch?v=IuwoHhqevBw&feature=relmfu

Ficha técnica
Direção e Concepção: Deto Montenegro
Textos incidentais: Igor Pires
Músicas: Oswaldo Montenegro
Assistente de direção: Anne Ramos
Elenco: alunos do Projeto UP da Oficina dos Menestréis
Convidados: Paulinho Dias, Juliana Caldas, Eric Tanaka, Yan Montenegro

SERVIÇO
ESPETÁCULOS OFICINA DOS MENESTRÉIS
“GOOD MORNING SÃO PAULO MIXTURÉBA” E “UP3”
Ingressos promocionais no valor de R$20,00, com apresentação da carteirinha da Oficina dos Menestréis, que pode ser impressa pelo site: www.oficinadosmenestreis.com.br
TEATRO DIAS GOMES
Rua Domingos de Morais, 348, Vila Mariana. Estação Ana Rosa do Metrô
Tel: 5575-7472

Fonte:Sylvio Novelli - Assessoria em Comunicação