Cultura

Home/ Notícias Online/ Cultura/ Orquestra Experimental de Repe...

Orquestra Experimental de Repertório

Publicada em : 20/03/2012

Concerto será inteiramente dedicado ao compositor Ludwig van Beethoven


A Orquestra Experimental de Repertório recebe Caio Pagano, pianista brasileiro internacionalmente notório, num concerto inteiramente dedicado ao compositor Ludwig van Beethoven, no dia 25 de março, domingo, às 11h, no Theatro Municipal de São Paulo.

O programa, escolhido pelo maestro Jamil Maluf, Titular da Orquestra, será regido por seu assistente, Thiago Tavares, e é dedicado a três obras fundamentais de Beethoven: a Abertura Leonora 3, o Terceiro Concerto para Piano e Orquestra e a Quinta Sinfonia.

Na primeira parte, a orquestra executa Abertura Leonora 3, única ópera composta por Beethoven. O nome Leonore, da personagem principal, havia sido escolhido para batizar também o título, mas não pôde ser usado, pois na época já havia uma opera homônima de outro compositor. Por isso, ela acabou sendo chamada de Fidélio. Beethoven compôs três aberturas Leonore para esta ópera, sendo a terceira a versão definitiva, mais concisa e dramática.

O Terceiro Concerto para Piano e Orquestra encerra a primeira parte, tendo como solista o pianista convidado Caio Pagano. Composto em 1800, este concerto define claramente um novo caminho criativo de Beethoven. Primeiro dos cinco concertos para piano a usar um tom menor, esta obra possui uma variada e dinâmica gama de emoções turbulentas. O estilo de escrita para piano passa a ser subitamente menos ornamentado, mais muscular, se tornando um desafio não apenas aos intérpretes da época, mas também aos instrumentos naquele estágio de desenvolvimento.

Na segunda parte a OER interpreta a Quinta Sinfonia. Estreada em 1808, época em que Beethoven passou a se preocupar seriamente com sua acentuada queda de audição, esta peça foi acumulando, com o passar do tempo, uma variada gama de associações extra-musicais. De sua utilização como pano de fundo da vitória dos Aliados, durante a Segunda Guerra Mundial, às diversas utilizações de seus fragmentos temáticos nos meios de comunicação de massa, tudo contribuiu para tornar esta obra uma das mais emblemáticas do repertório. Porém, nada disso diminuiu sua importância como uma das mais geniais obras do gênero sinfônico. Em apenas quatro notas, a Quinta Sinfonia consegue sintetizar toda sua estrutura formal e carga emocional. Um eterno desafio para seus apaixonados intérpretes.

SERVIÇO
Local: Theatro Municipal (Praça Ramos de Azevedo, s/n° - Bilheteria: 11.3397-0327 – www.teatromunicipal.sp.gov.br)
Datas e horários: 25 de março, domingo, 11h
Preços dos ingressos: R$ 40,00, R$ 20,00 e R$ 10,00
Duração: 100 minutos
Lotação: 1530 lugares
Funcionamento da Bilheteria: 2ª a 6ª, das 10h às 19h, ou até o início do espetáculo. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h, ou até o início do espetáculo.
Vendas pela Internet: www.ingressorapido.com.br/prefeitura e (11) 4003-2050
Classificação etária: livre, recomenda-se a partir dos sete anos
Ar condicionado – Acesso para portadores de necessidades especiais – Café

Fonte:Quatro Elementos Comunicação & MKT. Cultural