Culinária

Home/ Notícias Online/ Culinária/ Iamspe alerta para consumo no ...

Iamspe alerta para consumo no verão

Publicada em : 10/01/2014

Ovos devem ser bem cozidos e os alimentos crus higienizados adequadamente, afirma especialista

Divulgação
Por conta do verão, o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) faz um alerta para o consumo e a conservação dos alimentos, uma vez que os problemas digestivos, como as gastroenterites agudas, e as infecções bacterianas são comuns com o calor intenso.

Segundo a gastroenterologista do Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE) Debora Poli, nesta época do ano, os ovos devem ser bem cozidos e as frutas, verduras e legumes lavadas e higienizadas adequadamente.

“As carnes de todo o tipo também devem ser conservadas corretamente. Outro alimento frequentemente consumido nesta época do ano e que oferece risco são as ostras e os mariscos. É importante verificar a procedência desses alimentos, que são consumidos crus”, adverte a médica.

A recomendação é que se opte por alimentos ricos em água nesta época de altas temperaturas. Para manter a hidratação, pode-se abusar do consumo de água pura ou de coco, bebidas isotônicas, sucos naturais e chás (evitar os chás preto e mate, que contêm grande quantidade de cafeína) e também de frutas, em especial melancia e melão. 

“Os refrigerantes são ricos em açúcares e não são recomendados pelo teor calórico e nos casos de diarreia. Já o álcool, por si só, é um agente agressor da mucosa [revestimento interno] do aparelho digestivo. Qualquer forma de bebida alcoólica pode apresentar quadro de gastrites e piora do refluxo, com a típica sensação de queimação ou azia, até dor abdominal e diarreia. É o grande responsável por desidratação e toda aquela sensação de ressaca. O consumo excessivo de álcool pode levar à hepatite aguda e mais tardiamente à cirrose”, explica a dra. Debora.

Outra questão importante é o cuidado com os idosos e as crianças, que são mais suscetíveis a problemas de saúde por serem mais frágeis e com maior propensão à desidratação.

“Caso a pessoa, de qualquer idade, apresente algum sintoma de problema gastrointestinal, é recomendável procurar um médico especialista que poderá indicar o tratamento adequado”, finaliza a médica.

www.iamspe.sp.gov.br

Fonte:Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe)